18/12/2020

Zika Vírus

O Zika vpirus pertence a família Flaviviridae, gênero Flavivírus, causa uma doença febril aguda, e outros sintomas como dores articulares, dores de cabeça, dores atrás dos olhos, , calafrios, perda de apetite, irritação na pele, vermelhidão nos olhos ou vômito e fadiga. Em casos mais graves pode ocasionar problema neurológicos e em gestantes gerar má formação fetal e microcefalia.

Além disso, a doença pode ser transmitida verticalmente, ou seja, por via placentária.

De modo geral os sintomas desaparecem naturalmente entre sete e quinze dias, porém, existem relatos que alguma pessoas apresentam os sintomas por mais de meses após o diagnostico da doença.

É predominante em áreas tropicais, especialmente nos meses mais chuvosos, quentes e úmidos, devido a existência do seu vetor.

O vírus é transmitido por meio da picada do mosquito Aedes aegypti.

Mulheres e homens de todas as faixas etárias podem ser acometidos pela doença, entretanto grávida, idosos e portadores de doenças crônicas são mais vulneráveis as manifestações clínicas e podem apresentar complicações.  

. São também pessoas de maior vulnerabilidade as que vivem em regiões propícias para a procriação do mosquito Aedes aegypti, especialmente porque o problema se relaciona à falta de saneamento básico, coleta de lixo, manutenção de terrenos baldios e córregos, quadros comuns em áreas urbanas, com grande densidade populacional o que aumenta a capacidade de disseminação do vírus.

A prevenção é realizada com o combate ao vetor, evitando-se manter água armazenada em vasos de plantas, poças, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso ou manutenção e até tampas de garrafa e pratos de plantas.

Também é recomendado o uso de repelentes, de mosqueteiros na cama e telas nas janelas.  

Por: Profa. Dra.: Géssica Andrade a Rafaela Moraes (Aluna do curso de Farmácia e Laboratório, Turma 219)

Euro Anglo Unidade Franca - SP